Recursos Humanos


RHs FAQs

Questões Frequentes

 

Consulte em seguida as nossas respostas às Questões mais Frequentes que nos são colocadas.

 

Se ainda ficar com dúvidas não hesite, contacte-nos através de qualquer um dos meios que disponibilizamos na página "Os nossos Contactos".

 

 

 

  • Que competências são necessárias para ingressar na Tranquilidade?

     

    Compromisso, integridade, atitude, dinamismo, espírito de equipa e vontade de aprender são as competências transversais que a Tranquilidade valoriza. Além, naturalmente, do domínio técnico requerido para cada função específica e uma forte apetência para o desenvolvimento pessoal.

     

    Todas estas competências encontram "terreno" para se confirmarem na Tranquilidade. Uma Empresa com forte orientação para o cliente e a obtenção de resultados de excelência.

  • São necessários conhecimentos técnicos de seguros?

     

    De acordo com as exigências funcionais, o conhecimento técnico de seguros poderá ser, apenas, um fator preferencial.

     

    No âmbito do Programa de Acolhimento e Integração Organizacional, a Tranquilidade garante uma formação inicial ao nível da Técnica Geral de Seguros e sempre que a função exija conhecimentos mais profundos, como é exemplo a área comercial, proporciona um programa de formação adequado.

  • Como é possível uma candidatura à Tranquilidade?

     

    Neste site pode consultar os desafios profissionais, que no momento, a Tranquilidade tem para oferecer ou simplesmente enviar uma candidatura espontânea para uma futura integração num processo de seleção. Em ambas as situações, bastará enviar um Curriculum Vitae, que todos os dados serão por nós analisados.

  • Em média, qual a duração de um processo de seleção?

     

    Procuramos que os nossos processos de seleção decorram com a maior celeridade possível, no sentido de garantirmos uma elevada qualidade na prestação dos nossos serviços. Os tempos de duração dos processos - normalmente menos de 1 mês - dependem de diversos fatores, nomeadamente do número de candidatos envolvidos e da especificidade da área para a qual se está a recrutar/selecionar.

  • Quantas fases tem um processo de seleção?

     

    O número de fases existentes no processo de seleção depende de vários fatores, designadamente das exigências da função.

     

    Habitualmente, um processo de "seleção completo", que procure alcançar uma avaliação com o máximo de rigor e precisão, desenrola-se em 4 fases distintas:

     

    • Triagem curricular;
    • Entrevista inicial;
    • Avaliação psico-profissional (testes);
    • Entrevista final.
  • Contactam todos os candidatos envolvidos nos processos de seleção?

     

    Na Tranquilidade, procuramos privilegiar as pessoas, como tal não deixamos os nossos candidatos sem qualquer tipo de resposta. Assim, todos os candidatos têm uma informação da Tranquilidade acerca do epílogo do seu processo, sejam ou não os candidatos selecionados.

     

    A única exceção verifica-se na fase inicial dos processos de seleção - Triagem Curricular - em que apenas contactamos os candidatos cujo perfil se adeque aos requisitos exigidos na função em causa. Contudo, mesmo nesta situação, os candidatos podem ser contactados posteriormente para integrarem processos de seleção mais adequados ao seu perfil.

  • Porquê apostar na Tranquilidade?

     

    A Tranquilidade, constitui a aposta certa para quem quer desenvolver um percurso profissional aliciante, pleno de desafios, mas seguro.

     

    Grupo de raízes Nacionais mas com ligações Internacionais importantes, que se consolida e cresce, tem inúmeros desafios para propor quer para quem comece, quer para quem já tem experiência e responsabilidades assumidas.

     

    São múltiplas as áreas onde o seu contributo pode ser importante: Comercial, Marketing, Financeira, Técnica, Qualidade, Recursos Humanos, Sistemas de Informação, entre outras.