PARTILHAR
SAIBA MAIS SOBRE

O blogue que faz da prevenção e da inspiração o seu dia a dia.

10 vantagens de fazer um seguro de viagem para as férias

Férias! Uma palavra que pode ter tantos significados quantas as pessoas que a pronunciam. Para uns, um tempo de descanso relaxado numa praia de areias brancas; para outros, uma aventura na savana, ou até na neve. 

Mas também pode ser a magia de andar de avião pela primeira vez, ou a alegria juvenil de descer a costa de carro com amigos. O mergulho delicioso na cultura, hábitos e gastronomia de um país diferente, ou o prazer de viver uns dias – com todo o tempo do mundo – em família, com os filhos. Seja o que for, pensamos em férias e o nosso rosto ilumina-se. Sobretudo em período pós-pandemia, depois de dois anos de uma diminuição drástica das viagens de férias e de turismo

E, de facto, parece que os portugueses estão mesmo desejosos de recuperar o tempo perdido. Segundo a agência Travel Lifestyle Network (TLN), o desejo de viajar dos portugueses supera a média europeia

Este ano, mais do que nunca, a vontade de ter umas férias boas é enorme e convém que nada as estrague. 

A importância de um seguro de viagem durante as férias 

Se durante as férias tiver algum imprevisto, vá precavido para que o mesmo possa ser resolvido ou atenuado. Como diz o ditado, “mais vale prevenir do que remediar”. 

Seguro Viagem

Esteja protegido de imprevistos em viagem como cancelamento da viagem até 5 000€, despesas por atraso no voo até 1 000€, e eventuais estragos, perdas, furtos ou roubos da bagagem durante o transporte e estadia, até 2 500€.

seguro-viagem

Com o Seguro Viagem da Tranquilidade estará preparado para lidar com os episódios menos agradáveis que possam acontecer. Pelo pagamento de um preço reduzido, tem acesso a vários benefícios que poderão fazer a diferença no momento de os resolver, tais como despesas médicas por acidente ou doença, cancelamento dos voos, bagagem, eventualmente repatriamento, e mais. 

Em seguida, apresentamos dez cenários menos agradáveis que podem acontecer em férias, e que o seguro de viagem pode ajudar a atenuar ou até resolver.  

Situação 1 

No aldeamento onde se hospeda, o seu cão faz uma incursão ao jardim da casa ao lado da sua e rói a roupa que estava estendida. Os hóspedes dessa casa exigem uma indemnização pelos estragos causados. 

Cobertura: Responsabilidade civil. 

Como proceder: Acionar o seguro, contactando a seguradora. Deve permitir que a seguradora oriente e resolva ações que possam resultar da situação que causou o sinistro. Deve, também, fornecer e facilitar todos os documentos, testemunhas, nomes e moradas e outros elementos de prova ao seu alcance que possam interessar.

Situação 2 

Durante as férias no estrangeiro, fica com febre ou tem um acidente. Precisa de assistência médica, de fazer exames e tratamentos, além de comprar a medicação prescrita pelo médico. 

Cobertura: Despesas médicas no estrangeiro. 

Como proceder: Contactar de imediato a sua seguradora, para que esta lhe indique o hospital a que se deve deslocar para ser assistido. 

Está a viajar sozinho e o período de hospitalização é superior a 5 dias. O seu seguro pode garantir os custos de transporte de ida e volta para um familiar, com partida de Portugal, para ficar junto de si. 

Situação 3 

Durante uma viagem de comboio roubam a sua mala. 

Cobertura: Perda, dano, furto ou roubo de bagagens.

Como proceder: Participe a ocorrência às autoridades nas 24 horas seguintes. Se viajou de transportes públicos, reclame imediatamente por escrito à empresa transportadora. Ao acionar o seguro apresente cópias desses documentos, mais a justificação do valor seguro (valor comercial dos bens seguros). 

Note que a sua cobertura pode não garantir todos os itens roubados. Antes de contratar o seguro informe-se dos bens não garantidos nesta cobertura.  

Situação 4 

Compra as suas férias no estrangeiro e faz o Seguro Viagem. Uns dias depois, recebe uma notificação de confirmação de um novo emprego que terá lugar numa data que o obriga a cancelar a viagem já paga. 

Cobertura: Cancelamento antecipado de viagem. 

Como proceder: Para poder ser reembolsado de gastos irrecuperáveis já despendidos em alojamento e transporte, deve acionar o seguro e fornecer à seguradora um comprovativo da liquidação anterior do custo da viagem e a cópia da notificação. 

Situação 5 

Um internamento hospitalar de urgência (superior a 2 dias) obriga-o a interromper a viagem e regressar mais cedo a casa. 

Cobertura: Interrupção de viagem. 

Como proceder: Para poder ser reembolsado de gastos irrecuperáveis de alojamento e transporte, deve acionar o seguro e fornecer à seguradora um comprovativo dos gastos irrecuperáveis já realizados. 

Situação 6 

Viaja para o Extremo Oriente e faz em escala em Amesterdão. O voo atrasa e perde a ligação, apesar de a escala entre os dois voos ser superior a 2 horas. Nesse dia já não há mais voos para o seu destino e é obrigado a procurar um alojamento para passar a noite. 

Infelizmente, nos últimos tempos tem-se assistido a atrasos e cancelamentos de voos em aeroportos nacionais e internacionais, pelo que é importante partir prevenido com a proteção do Seguro Viagem

Cobertura: Perda de ligações aéreas. 

Como proceder: O seu seguro poderá reembolsá-lo pelo custo do transporte até ao hotel mais próximo do aeroporto e pelo alojamento. Acione o seguro contactando a seguradora imediatamente, através de telefone ou e-mail, siga as instruções dadas e obtenha o acordo da seguradora antes de assumir qualquer decisão ou despesa. 

Situação 7 

Chega ao destino da viagem aérea, mas as suas bagagens não, nem após 24 horas. Vê-se obrigado a comprar artigos de higiene e vestuário de primeira necessidade. Este tipo de situação tem sido, este ano, um cenário habitual. A procura inesperada de viagens e o boom turístico em tão pouco tempo após a pandemia tem gerado problemas nos aeroportos, nos voos e na receção das bagagens

Cobertura: Atrasos na receção das bagagens. 

Como proceder: Contacte imediatamente a seguradora, explique o que se passa e forneça todas as informações necessárias. Para poder ser reembolsado dos gastos, terá de apresentar os recibos que comprovem o valor das compras, bem como os comprovativos da reclamação e da entrega posterior da bagagem emitidos pela companhia aérea. 

Situação 8 

Durante a sua viagem pela Europa, o seu carro tem uma avaria que obriga a reboque e assistência mecânica. 

Cobertura: Assistência ao veículo. 

Como proceder: Contacte imediatamente a seguradora (por telefone ou e-mail), explicando o que se passa e fornecendo todas as informações necessárias. Siga as instruções recebidas e obtenha o acordo da seguradora antes de assumir qualquer decisão ou despesa. 

No caso de a reparação demorar mais de 3 dias úteis, a seguradora poderá garantir o transporte ou repatriamento do veículo segurado até ao domicílio em Portugal ou até uma oficina designada por si, na zona de morada da apólice. 

Situação 9 

Está no estrangeiro e é infetado pela Covid-19. É obrigado a fazer quarentena e a interromper a viagem.  

Cobertura: Proteção Covid-19. 

Como proceder: Para poder ser reembolsado pelos custos irrecuperáveis de alojamento (em Hotel ou Alojamento Local) e transporte, deve acionar o seguro e apresentar o comprovativo de liquidação anterior dessas despesas. 

Viaja sozinho com um filho menor e, na sequência de infeção por Covid-19, tem de ser hospitalizado. O seu seguro poderá garantir os custos de transporte de ida e volta para um familiar a partir de Portugal que possa tratar do regresso do menor a Portugal. 

Situação 10 

O pior desfecho de umas férias, o cenário que ninguém quer imaginar, é uma invalidez permanente, ou até a morte, causada por um acidente de viação. Infelizmente, ninguém está livre de que uma situação dessas possa ocorrer. 

Cobertura: Morte e/ou invalidez permanente.

Nestes casos, fica garantido o pagamento de indemnizações em consequência de acidente sofrido durante a viagem. Este seguro é válido para cenários como um acidente pessoal, desaparecimento, queda de avião ou naufrágio. As indemnizações aplicam-se quer as circunstâncias ocorram imediatamente ou no decurso de dois anos após o acidente. 

Tenha em atenção que, em todos os cenários apresentados, os custos cobertos são até aos limites definidos pelo seu contrato. Para que possa beneficiar das proteções aqui descritas, tem de ter contratado as respetivas coberturas e pago as prestações do seu seguro. 

Para acionar o seguro ou reportar um sinistro, os contactos a usar devem ser os seguintes:   

  • De Portugal: 21 386 33 22 
  • Do estrangeiro: + 351 21 386 33 22 
  • E-mail: assistencia24H@eap.pt  
SAIBA MAIS SOBRE
PARTILHAR
Seguro Atividades Desportivas

SEGURO ATIVIDADES DESPORTIVAS (MOVE IT)

Pratique desporto em segurança

Saber mais
vidatranquila horizontal

7 COISAS QUE DEVE FAZER ANTES DE COMEÇAR A CORRER

Saber mais
corre-ou-anda-de-bicicleta-entao-precisa-de-um-seguro-de-acidentes-pessoais-1